CodeCamp blog


Turbine sua Aula de Artes, História e Cultura com Google

Os icônicos azulejos, a história da rainha póstuma Inês de Castro, os quadros renascentistas e os lugares que o poeta Luís Vaz de Camões visitou foram digitalizados e lançados no Google Arts & Culture o projeto Portugal: Arte e Patrimônio.

Nas mais de 80 mostras digitais, entre exposições e tours virtuais, você pode fazer um tour virtual no Google Earth pelos olhos de Fernando Pessoa e conhecer os lugares que o inspiraram. Há mais de mil obras capturadas em Art Camera do Google, tecnologia que captura as imagens em super alta resolução para permitir que você navegue por cada detalhe de uma obra de arte — e descubra detalhes que poderiam passar despercebidos a olho nu.

As coleções de Portugal: Arte e Património estão disponíveis no site e no aplicativo do Google Arts & Culture.

Fonte

No dia 2 de setembro de 2018, um incêndio destruiu o Museu Nacional do Brasil, no Rio de Janeiro, que abrigava uma das maiores coleções de história natural do mundo. Cerca de 20 milhões de peças foram atingidas pelo fogo, incluindo artefatos indígenas, fósseis de dinossauros e o mais antigo esqueleto humano encontrado nas Américas.

O Google Arts & Culture vinha trabalhando com o Museu Nacional desde 2016, com o objetivo de trazer o acervo para a internete permitir que qualquer pessoa, em qualquer lugar, pudesse ver e aprender com essas peças tão antigas. Agora, pela primeira vez, é possível fazer uma visita virtual ao museu e conhecer a coleção perdida – graças a imagens do Museum View e a exposições online.

Com a ferramenta do Museum View, é possível mergulhar pelas salas do prédio histórico, além de ver, em detalhes, as peças que ficavam em exposição. Esse tour pode ser guiado com narração em português, inglês e espanhol e também assistido em modo imersivo com o uso de um cardboard ou outros visores de realidade virtual.

A impressionante diversidade dos artefatos abrigados pelo Museu Nacional narrava séculos de cultura e história natural brasileiras – das borboletas ameaçadas da Amazônia às lindas máscaras e cerâmicas decoradas pelos indígenas. Embora as imagens não substituam o acervo que se perdeu, elas ajudam a garantir que o público jamais esqueça a coleção.

As cole├º├Áes do Museu Nacional tamb├®m podem ser descobertas a partir do Google Assistente. Agora, quando voc├¬ conversar com o assistente inteligente do Google sobre museus, hist├│ria e at├® mesmo dinossauros, ele ser├í levado para essa experi├¬ncia imersiva pelo acervo. Tente dizer: ÔÇ£Ok Google, qual ├® o seu museu favorito?ÔÇØ e ÔÇ£Ok Google, voc├¬ gosta de dinossauro?ÔÇØ.

Para conhecer melhor o Museu Nacional do Rio, visite a coleção no  Google Arts & Culture e nos aplicativos para  iOS e  Android.

Fonte

Licença Creative Commons


artigos    banco de imagens    canvas    computação    cursos online    design    design thinking    edtech    educação    facebook    google    google for education    idiomas    inovação    marketing    professores    programação    startups    storytelling    tecnologia    áreas de cursos   

Comentários